São Bento do Sapucaí

A cidade é pequena, acolhedora e hospitaleira. Por estar na Serra da Mantiqueira e a cerca de 40 km de Campos do Jordão, oferece clima similar.
Repleta de lugares pitorescos, o ponto turístico mais conhecido é a Pedra do Baú. Com cerca de 400m de altura e 1.950 metros acima do nível do mar, o visitante pode subir a pedra através de degraus e grampos que são chumbados com cimento em furos na rocha. Há duas escadas: a da face voltada à cidade de São Bento é mais íngreme, mas oferece o melhor visual. A face voltada para o bairro do Baú é mais serpenteada e por vezes fica úmida por conta da vegetação.
A Pedra do Baú, hoje Monumento Natural Estadual, se encontra em uma composição rochosa, acompanhada de duas outras formações próximas: Bauzinho e Ana Chata. A pedra do Bauzinho é acessível por carro através do Parque MoNa Pedra do Baú. Ao chegar no estacionamento já é possível vislumbrar a beleza da paisagem, o ar frio da Serra da Mantiqueira e a imponência da Pedra do Baú.
No caminho para a Pedra do Baú há a Cachoeira dos Amores, situada em um sítio privado, aonde os donos mantém um camping, e logo acima a Cachoeira do Toldi pode ser vista através de um mirante a beira da rodovia.
Suas igrejas e casas antigas são ao mesmo tempo simples, aconchegantes e bonitas. A Igreja Matriz da cidade foi inaugurada em 1916, sua obra durou mais de 50 anos e foi executada por escravos. Além da Igreja Matriz, a cidade ainda possui várias outras igrejas, como a do Rosário (primeira capela do município), Santo Antônio, São Benedito e Nossa Senhora dos Remédios.
São várias as opções de hospedagem, desde hotéis mais sofisticados, passando por pousadas aconchegantes, pousadas familiares estilo "albergues" ou ainda moradores que alugam quartos para hóspedes.

 :